Curso prático e teórico sobre Aplicação da Lei de Drogas Ilícitas será ministrado por Delegado Federal em Cuiabá

O Grupo Atame irá oferecer no dia 03 de outubro, em parceria com a Escola Superior de Advocacia (ESA/MT), curso prático e teórico sobre Aplicação da Lei de Drogas Ilícitas. Quem irá falar sobre o assunto, é o delegado federal, Carlos Pellegrini.

Em entrevista a assessoria de imprensa da instituição, Pellegrini explicou que o curso visa preparar o advogado para as demandas da região, trazendo as peças práticas, análises de casos e sobretudo a legislação em vigor e sua atualidade. “As decisões do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, a formação da Jurisprudência e consolidação do Supremo Tribunal de Justiça(STJ) e do Supremo Tribunal Federal(STF)”, complementou ele.

Para o especialista, essas são ferramentas indispensáveis que o profissional tem que dominar para prestar um serviço de qualidade ao cliente a fim de, um lado, ter ganho de causa em suas demandas e, de outro, exercer um serviço consultivo de excelência.

No conteúdo programático estão: Técnicas e Métodos de Defesa dos Crimes da Lei de Drogas Ilícitas, A atuação do Advogado na defesa no inquérito policial e situações flagranciais ou não-flagranciais, A atuação do Advogado na defesa durante a instrução criminal em Juízo, os recursos em espécie, manejo do habeas corpus e mandado de segurança em caso de apreensão, sequestro e confisco, além de estudo de casos.

As vagas são limitadas e as inscrições já se iniciaram através do link https://www.oabmt.org.br/esa/area-aluno/login?cursoid=1051 ou através do telefone (65) 3321-9000.

Sobre o Professor

Doutorando em Direito Internacional Penal pela Universidade de Granada – Barcelona/ES. Especialista em Ciências Criminais pela Universidade do Sul de Santa Catarina. Delegado Federal. Professor nos cursos de especialização em Direito Tributário e Processual Tributário e nos cursos de extensão da Escola Paulista de Direito – EPD. Professor na pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal Grupo Atame Cuiabá.

ComunicArte
Assessoria de Imprensa/Grupo Atame