Grupo Atame parabeniza todas as mulheres, em especial, as alunas pelo Dia das Mães

Hoje é um dia muito especial no país todo, é a data em que se comemora o Dia das Mães, ou a figura familiar materna e a maternidade. Diante dessa tão importante comemoração, o Grupo Atame parabeniza todas as mulheres, em especial, as alunas, que compõe um grande número do quadro discente da instituição.

“Queremos parabenizar nossas alunas, que são mães, pela luta, pela sua coragem, pela sua persistência e principalmente pelo grande amor que carrega em seu coração, te levando sempre em frente, não lhe permitindo desistir ou se cansar”, declarou a coordenadora comercial do Grupo Atame, Caroline Moraes.

Mães Guerreiras

Nossa homenagem é para aquelas que além de dona de casa, de esposa, de mães, ainda são profissionais e buscam por um espaço no mercado de trabalho. Como exemplo, duas alunas do Grupo Atame, contam como é conciliar as funções do dia a dia com amor e dedicação e quais os resultados que lhe trazem para a vida.

Meiriele Druzian de Souza, é aluna da Pós-graduação em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho, e declara abertamente que o seu filho nunca a impossibilitou de fazer algo, pelo contrário, por ele, e pra ele é que diariamente busca mais e mais. “Evidentemente que a partir do momento que uma mãe dá à luz a um filho, ela atrai para si, inúmeras responsabilidades das quais não se pode postergar, afinal, ele dependerá dela para tudo, desde o despertar até o adormecer!
E ainda que como no meu caso, possa contar com a ajuda valiosa do pai e dos avós, há momentos em que apenas a presença da mãe será capaz de suprir suas necessidades.

Assim, some-se isso ao fato de que o mercado de trabalho não admite improficiência, e para isto, é necessário que o profissional esteja antenado, o resultado muitas vezes pode divergir do que é esperado, afinal o fardo imposto é bem opressivo. No entanto, o meu filho me motiva, me dá forças, e ficar ausente por um, dois dias para estudar, faz com que a cada retorno nossos corações permaneçam ainda mais unidos, tornando os obstáculos insignificantes em face do amor que há em nós”, disse ela acrescentando que “Uma das maiores conquistas profissionais da minha vida só se concretizou quando na hora da dificuldade eu me lembrei de que ele torcia por mim! Eu costumo dizer que o amor de uma mãe pelo filho é o que mais se assemelha do amor de DEUS por nós”.

Já para Lucimara Rodrigues, Pós-Graduanda em Direito Civil, ser mãe, estudante e ter um trabalho que exige tanto não é uma das tarefas mais fáceis. “Conciliar essas múltiplas funções, é cansativo, porém, gratificante. Meus filhos são muito compreensíveis e me apoiam muito. Terminei a faculdade de Direito e no mesmo ano me matriculei para fazer o cursinho preparatório para a OAB, foi uma época muito difícil de muitas renúncias, principalmente com relação a minha filha que é pequena. Trabalhava o dia todo e a noite ainda ia estudar. Só via minha filha praticamente aos finais de semana” declarou a mãe-guerreira dizendo ainda que “Foram meses difíceis, mas que resultaram em uma vitória inesquecível, a tão sonhada carteira da OAB. Se quisermos e tivermos um propósito, um objetivo de vida que trará benefícios para toda nossa família. Temos que abdicar até da companhia de um filho para o alcance da vitória”.

“Parabéns às nossas guerreiras! A determinação de vocês é um exemplo para nós! Temos muito orgulho de tê-las como nossas alunas”, finalizou Caroline.

ComunicArte
Assessoria de Imprensa/Grupo Atame